AGLOMERAÇÕES HUMANAS

Quando um evento reúne uma multidão, surge logo a curiosidade sobre o número de pessoas presentes.

Não é difícil calcular, por exemplo, quantas pessoas ocupam 1m² em formação militar ou de passeata, ou espremidas, como no corredor de um ônibus lotado.

O Fator 6
No primeiro caso (pessoas em formação militar ou de passeata), vê-se pelo desenho abaixo que cada m² comporta 6 pessoas:

O Fator 14
No segundo caso (pessoas espremidas, como no corredor de um ônibus lotado), vê-se pelo desenho abaixo que cada m² comporta 14 pessoas:

O resto é pura Matemática: avaliar a quantidade de pessoas por m² e multiplicar pela área ocupada.

Vejamos um exemplo clássico: A Av. Paulista, em São Paulo, tem 2.600m de extensão e 45m de largura. Sua ocupação, de ponta a ponta, em formação de passeata, resultaria 702.000 pessoas (2.600x45x6). Ocupada, como no corredor de um ônibus lotado, ela conteria 1.638.000 pessoas (2.600x45x14).


Curiosidade
Sabendo que é possível espremer 14 pessoas em uma área de 1m², podemos imaginar que é teoricamente possível espremer a população mundial (7 bilhões de pessoas) em um quadrado pouco maior do que a cidade de Brasília, pois 7 bilhões ÷ 14 = 500 milhões de m², equivalentes a um quadrado com 22.360m de lado:

Alguém perguntou-me se a população do planeta caberia no estado de Sergipe. A resposta está no item anterior: se a população mundial cabe na cidade de Brasília, muito mais folgadamente cabe no estado de Sergipe, que tem a superfície de 21.910km² = 21,91 bilhões de m². Os 7 bilhões de terráqueos acomodar-se-iam em Sergipe à razão de 32 para cada 100m², o que significaria uma fileira em que as pessoas estariam a quase 2m de distância uma da outra:

Home
© 04/03/2006 Atualizada em 27/08/2018